Saturday, August 22, 2009

Reler mais uma vez

Ter tempo para ler os livros. E reler os livros que se leu antes apressadamente, sem o devido preparo ou prazo de decantação. Mais que viajar para outros planos de realidade, é reencontrar as vozes ainda não expressas. Aquele Salinger da adolescência de volta traz a atmosfera e o espírito do passado, mas o horizonte agora está diferente. É como se as referências da lembrança, intermitentes, empalidecessem sem o apoio de imagens.

Reler não recupera mais nada. Mas, quem sabe, pode ajudar a terminar bem.

::

foto: trecho da rodovia Fernão Dias, na divisa entre São Paulo e Guarulhos, por Ricardo Imaeda

2 comments:

Capi Vitae said...

eu achei essa foto um tanto agressiva, gera um sentimento estranho, não sei explicar ... ai ...

Márcia M. Albuquerque said...

oi, ric!
impressionante: outro dia mesmo pensei sobre essas releituras, e exatamente sobre esse livro que li com uns 17 anos, e tenho vontade de reler com os olhos, a mente e o coração de hoje. muito bom o texto, como sp.
beijos